Local de prova do Enem 2018 será divulgado dia 22 de outubro

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – Inep divulgou que o local de prova do Enem 2018 será divulgado dia 22 de outubro. Falta menos de 30 dias para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio que será aplicada no primeiro domingo de novembro.

As inscrições do Enem 2018 ocorreram do dia 7 até o dia 18 de maio, onde obteve mais de 5,5 milhões de candidatos confirmados. O Ministério da Educação – MEC juntamente com o Inep fez um pedido ao presidente Michel Temer para que adiasse o horário de verão, pois iria afetar muitos estados. O pedido foi aceito e o horário será alterado no dia 18 novembro.

Cronograma do Enem 2018: Os locais de provas estarão disponíveis para visualização no dia 22. As provas serão aplicadas nos dias 4 e 11 de novembro. Dia 14 de novembro será a publicação do gabarito oficial. No mês de janeiro será o resultado, na qual ainda não possui data confirmada, mas a previsão é que seja na primeira quinzena.

Como visualizar o local de prova do Enem 2018

ENEM 2018 20 ANOS

O local de prova será divulgado juntamente com o cartão de confirmação de inscrição do Enem 2018 daqui 12 dias. Para acessar é muito simples, basta entrar no portal do Inep através do endereço eletrônico https://enem.inep.gov.br/participante/#!/loginParticipante.

Para visualizar basta informar o número do Cadastro de Pessoa Física – CPF, senha na qual criou no dia da inscrição e figura exigida. Sendo assim dará acesso a página do participante, pois é onde terá todos os dados do candidato, cartão de confirmação de inscrição e resultados das outras edições (caso tenha feito).

Para o estudante que não se lembra da senha, basta clicar na opção “esqueci minha senha” após digitar o número do CPF. Abrirá uma janela onde o candidato optará em receber um código provisório via SMS ou pelo e-mail. Após a escolha e identificação do código, basta informá-lo.

Automaticamente abrirá uma janela na qual o estudante criará uma senha oficial. O código poderá ser composto por no mínimo 6 e máximo 10 características sendo letras e números. É importante anotar esta senha, pois precisará para se inscrever no Sisu – Sistema de Seleção Unificada, Prouni – Programa Universidade para Todos e Fies – Fundo de Financiamento Estudantil.

O cartão de confirmação de inscrição do Enem 2018 terá as seguintes informações: nome completo, número do cadastro no exame, CPF, língua estrangeira optada, pedido de atendimentos especiais (caso tenha feito), cronograma e local de prova com sala e endereço.

Local de prova do Enem 2018

Mais-de-1-milhão-de-estudantes-já-se-inscreveram-para-o-Enem-2018

Conforme o edital do Enem 2018 os portões estarão abertos às 12h00min com o fechamento às 13min00min acompanhando o horário de Brasília. Sendo assim com o adiamento do horário de verão nas regiões do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Amazonas, Rondônia e Roraima terão os portões abertos às 11h00min com fechamento às 12h00min.

Já no Acre os portões abrem duas horas a menos de Brasília. Na cidade de Fernando de Noronha – Pernambuco a diferença para o Distrito Federal é de 1h00min a mais.

É importante lembrar que os estudantes não poderão pedir para alterar o local, pois uma vez informado na inscrição não possui alteração. Conforme o edital do Enem 2018 o participante deverá apresentar algum documento com foto na porta da sala, serão aceitos somente os documentos no anexo 13.2. Os mais utilizados são carteira de trabalho, identidade – RG e CNH – Carteira Nacional de Habilitação.

A prova só poderá ser feita com caneta esferográfica de cor preta, lembrando que fabricada de material transparente. Candidatos que fizerem as provas com lápis, caneta esferográfica de cor azul ou qualquer outro material terão as provas automaticamente desconsideradas.

As provas do Enem 2018 virão com nome do candidato, número de inscrição e gabarito cravados. É importante que confira todos os dados, pois caso esteja errado é importante acionar o fiscal e informar.

A redação será aplicada no primeiro dia juntamente com as questões referentes a Ciências Humanas e suas tecnologias e Linguagens, códigos e suas tecnologias. Já o segundo dia será somente questões de múltiplas escolhas referentes a áreas de Ciências da Natureza e suas tecnologias e Matemática e suas tecnologias.

Enem 2018 – Saiba onde será seu local de prova

Nos dia 04 e 11 de novembro serão aplicadas as provas do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2018. Mais de 6 milhões de pessoas durante dois domingos consecutivos vão realizar as provas do Teste de conhecimentos do Ministério da Educação.

Realizam as provas do Enem os estudantes que estão cursando o último ano do ensino médio e também que já concluiu o curso. Em comum, essas pessoas têm o objetivo de conseguir uma vaga para cursos de nível superior através de programas sociais do Governo Federal.  

Porque o Enem 2018 é tão importante para quem deseja cursar cursos de nível superior  

Como ser fiscal do Enem

Apesar de não ser obrigatório, muitos estudantes irão realizar as provas do Enem 2019 para utilizar as notas nos processos seletivos de programas do MEC. Através destes programas o estudante pode conseguir:

Bolsa de Estudos – O Prouni – Programa Universidade para Todos concede a estudantes bolsas de estudos que podem custear até 100% do valor das mensalidades de cursos oferecidos por instituições privadas de ensino superior. O principal requisito para participar do Prouni, é que o candidato tenha feito as provas do Enem 2018

Vagas em instituições federais de ensino superior – É o que oferece o Sistema de Seleção Unificada – SISU, vagas para cursos em instituições estaduais e federais de ensino superior. Também para participar do processo seletivo do SISU o estudante deve ter realizado as provas do Enem 2018.

Financiamento Estudantil – Com o financiamento Estudantil do FIES o estudante tem a possibilidade de finalizar todo o seu curso em instituição privada de ensino superior e apenas após a formatura e de forma facilitada realizar o pagamento valor financiado. E para conseguir o financiamento, o estudante necessita das notas do Enem.

Quando e como o participante do Enem 2018 terão conhecimento dos locais onde vão realizar as provas

Local de Prova do Enem 2018

Os endereços dos locais de aplicação de provas do Enem 2018 serão divulgados no Cartão de Confirmação de Inscrição.

O Cartão de Confirmação de Inscrição do Enem 2018, além de informar o endereço dos locais de prova do Enem 2018, informa também as datas ( 4 e 11 de novembro), os horários de abertura e fechamento dos portões de acesso e também o tempo de duração das provas.

Outras informações importantes também estão presentes no Cartão de Confirmação, como os dados pessoais do participante, o número de sua inscrição do Enem 2018 e a opção de língua estrangeira para as questões da prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

Acesso às informações ao Cartão de Inscrição do Enem 2018

O Cartão de Confirmação é disponibilizado para consulta e download na página do participante do Enem 2019, os participantes devem assim que for liberada a consulta:

  • Acessar o endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br
  • Informar número do Cadastro de Pessoa Física – CPF
  • Informar a senha cadastrada

O INEP não disponibiliza a versão física, impressa do Cartão de Confirmação de Inscrição, apenas a versão digital. Vale lembrar que a consulta é de inteira responsabilidade do participante.

Quem não tiver acesso a internet pode ligar para o número 0800-61-61-61 e solicitar o endereço do local onde vai realizar a prova do Enem 2018.

Algumas dicas importantes sobre o Cartão e os locais de provas do Enem 2018

Muitos participantes do Enem 2018 não conseguiram realizar o Exame por chegarem atrasados ou até mesmo não conseguirem encontrar seus locais de prova, então para que imprevistos como estes não voltem a acontecer orientamos os participantes a seguirem algumas dicas:

  • Imprima o Cartão de Inscrição. Com este documento você terá sempre a mãos o endereço do seu local de provas do Enem 2018.
  • Estude as opções de transporte disponíveis que possam te levar até o local de aplicação
  • Saía cedo de casa. Imprevistos como engarrafamentos e acidentes podem ocorrer durante seu deslocamento, então procure antecipar a sua saída de casa nos dias em que for realizar as provas.
  • Escolha o caminho. A dica aqui é ir até o local onde irá realizar as provas do Enem 2018 com antecedência, assim você pode cronometrar o tempo gasto e escolher a sua melhor opção principalmente se vai realizar o Exame em outra cidade.
  • Vale lembrar que apesar de importante, o Cartão de Confirmação de Inscrição do Enem 2018 não é documento de identificação, por isso nos dias do Exame leve fsempre um documento de identificação original que possua foto, obrigatório para acesso do candidato ao local de prova.

Procura mais informações sobre os locais de provas do Enem 2018? Então visite também a nossa página do Facebook. Curta e compartilhe.

Locais de Prova do Enem 2018 – Consulta e Cartão de Confirmação de Inscrição

Em breve os mais de 6 milhões de candidatos inscritos para o Enem 2018 – Exame Nacional do Ensino Médio vão realizar as provas do maior teste de conhecimentos das Américas. O principal objetivo destes participantes é ingressar no ensino superior, mas existem também os que realizam as provas apenas como forma de testar seus conhecimentos escolares.

O Enem 2018 é hoje a principal forma de ingressar em instituições públicas ou particulares de ensino superior, pois suas notas são usados nos processos seletivos do Prouni, SISU e Fies, todos programas do Ministério da Educação que concedem bolsas de estudos, vagas e até financiamentos para cursos de nível superior.

Provas aos domingos

Local de Prova Enem 2018

Desde 2016, as provas do Enem passaram a ser aplicadas durante aos domingos. As provas do Enem 2018 serão aplicadas nos dias 4 e 11 de novembro.

Para não correr o risco de ficar de fora, orientamos os participantes a :

  • Assim que tomar conhecimento do local de prova, fazer uma visita com antecedência,
  • Escolher o melhor caminho e meio de transporte,
  • Checar todos os documentos necessários e objetos que serão permitidos nos dias de avaliação,
  • Chegar ao local de realização de prova com no mínimo uma hora de antecedência.

Horários e tempo de duração

No primeiro domingo de provas do Enem 2018 os participantes participantes terão 5h30min para responder às questões objetivas e realizar a prova de Redação. Os portões dos locais de prova serão abertos às 12h e fechados pontualmente às 13h. Os participantes serão autorizados a começar a responder as questões às 13h30min.

No segundo domingo de provas do Enem 2018 os participantes terão 4h30 min para responder às questões objetivas, uma hora a menos que no primeiro domingo, por não ter a prova de redação. Os horários de abertura, fechamento e início das provas serão os mesmos do primeiro domingo de avaliações do Enem 2018.

Como consultar os locais onde serão os locais de prova do Enem 2018

Cartão de Confirmação de Inscrição do Enem 2018

Os locais de prova do Enem 2018 serão divulgados no Cartão de Confirmação de Inscrição, um documento importante, que além do endereço do local de provas trás também os dados pessoais do participante, a opção para a prova de língua estrangeira (Inglês ou Espanhol), tipo de atendimento especial ou especializado para realizar as provas (caso necessite), e o número de inscrição.

Vale lembrar que o Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, instituição não governamental incubida de elaborar e aplicar as provas do Enem 2018 não disponibiliza mais a versão física do Cartão de Confirmação do Enem, disponibilizando apenas a versão virtual do documento para consulta e download

O Cartão de Confirmação de Inscrição será disponibilizado no endereço eletrônico oficial do Enem 2018, http://enem.inep.gov.br/paginadoparticipante, onde devem ser informados:

  • Número do Cadastro de Pessoa Física – CPF
  • Senha de acesso que foi cadastrada no ato da inscrição para o Enem 2018

Identificação do participante. Todos os participantes devem obrigatoriamente apresentar documento de identificação com foto. A lista de documentos de identificação aceitos vai estar disponível no Edital do Enem 2018.

Participantes sabatistas.  A mudança na aplicação das provas do Enem 2018 foi bem vista pelos participantes que de acordo a religião precisam guardar o sábado, pois agora poderão realizar as provas juntos com os demais participantes.

Dados biométricos. Na última edição das provas do Enem,  o Inep passou a coletar os dados biométricos dos participantes nos locais de aplicação de provas. Esta medida visa aumentar a segurança na aplicação das provas.

O que acontece com quem chega atrasado nos locais de provas do Enem 2018

Os participantes que chegarem depois do horário de fechamento dos portões dos locais de prova do Enem 2018 serão impedidos de ter acesso e consequentemente impedidos de realizar as avaliações.

     Já os participantes que foram isentos do pagamento da taxa de inscrição do Enem 2018 que não comparecerem em qualquer um dos dias de aplicação e não apresentarem justificativa dentro do prazo estipulado, perderão o direito de isenção na próxima edição do Exame.

Mais informações e consultas dos locais de prova do Enem 2018 estão disponíveis também na nossa página do Facebook, visite, curta e compartilhe.

Redação do Enem 2018: 7 Possíveis Temas

Neste artigo vamos apresentar os 7 possíveis temas da Redação do Enem 2018.  Falta pouco mais de 1 mês para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio onde possui mais de 5,5 milhões de inscritos confirmados.

O maior desejo de muitos estudantes é obter nota máxima na redação do Enem 2018 onde os números vêm caindo a cada ano. Na edição anterior o Ministério da Educação – MEC corrigiu mais de 4,70 milhões de redações onde apenas 53 obtiveram nota máxima. O tema foi “Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil”.

Na edição de 2016 foram 77 estudantes com a maior nota, na qual escreveram sobre intolerância religiosa no Brasil. Esta edição também foi conhecida pelo alto número de anulações onde chegou a 84.236 redações zeradas.

Prováveis temas da redação do Enem 2018

Redação do Enem

Como base vamos apresentar alguns temas escolhidos pelo Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira:

  • Acreditasse que o tema que mais surpreendeu muitos candidatos e a imprensa foi os desafios para a formação educacional de surdos no Brasil no ano de 2017. Muitos estavam à espera de homofobia.
  • 2015: A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira;
  • 2014: Publicidade infantil em questão no Brasil;
  • 2013: Efeitos da implantação da lei seca no Brasil.

A seguir vamos apresentar 7 possíveis temas da redação do Enem 2018:

  1. Saúde Mental: A depressão é uma das principais doenças responsáveis por muitas mortes no século XXI, além de outras;
  2. Urbanização e transporte no Brasil: Os principais problemas nas grandes cidades é a mobilidade urbana onde as ruas lotadas por carros e transporte público sempre lotado;
  3. A demarcação de terras e a sobrevivência da cultura indígena: A população indígena vem crescendo, assim enfrentando grandes dificuldades sendo a principal delas às demarcações de terras;
  4. Refugiados no Brasil: Um dos grandes assuntos é o confronto entre venezuelanos e brasileiros nas cidades com fronteiras, na qual possui cenário de guerra;
  5. Notícias Fake: Os principais problemas encontrados na internet são referentes às notícias falsas e até mesmo perfis que só vem aumentando;
  6. Pessoas desabrigadas no Brasil: Com a crise política, conforme apresenta a Assistência Social do Rio de Janeiro o número de pessoas que estão morando na rua vem crescendo cada dia;
  7. Sistema Carcerário no Brasil: O sistema carcerário sofre com superlotação a alguns anos, entretanto, no meio político este é um dos temas mais discutido entre eles.

Competências exigidas na redação do Enem 2018

A maior nota que o estudante poderá tirar na redação do Enem 2018 é de mil pontos. O texto é corrigido por dois professores na qual darão nota 0 a 200 pontos para cada competência, na qual vamos explicar a seguir.

O tema da redação será apresentado no primeiro dia de prova, ou seja, dia 4 de novembro. Juntamente com o tema terá alguns textos motivacional para que o estudante entenda o que o Inep proporciona.

Será exigida cinco competências na redação, sendo elas:

  1. Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa;
  2. Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa;
  3. Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  4. Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;
  5. Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Conforme o anexo 17.8 do edital do Enem 2018, terá nota zero aqueles estudantes que:

  • Não seja argumentativo-dissertativo e fuja do tema estabelecido, sendo assim não atenderá a proposta solicitada pelo Inep;
  • Não esteja escrito de caneta esferográfica de cor preta na folha da redação;
  • Apresente até 7 linhas, sendo considerado insuficiente;
  • As linhas que forem retiradas dos textos motivadores serão desconsideradas;
  • Redações que apresentarem desenhos ou conteúdos impróprios;
  • Será anulada aquelas linhas na qual deliberadamente desconecte com o tema proposto.

Cronograma do Enem 2018

Cronograma do Enem 2018

O primeiro passo do cronograma do Enem 2018 e o cartão de confirmação de inscrição será divulgado no mês de outubro. As provas serão aplicadas nos dias 4 e 11 de novembro sendo o primeiro dia Linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e Ciências Humanas e suas tecnologias.

O segundo dia será composto com 90 questões de Matemática e suas tecnologias e Ciências da Natureza e suas tecnologias. Dia 14 de novembro terá a divulgação do gabarito oficial. O resultado está previsto para a primeira quinzena do mês de janeiro.
Para o acompanhamento do Enem 2018, basta acessar o endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br.

Gabarito do Enem 2018: Como será a divulgação

Gabarito do Enem 2018: Como será a divulgaçãoEm  novembro serão aplicadas as provas do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2018, que de acordo com dados divulgados pelo Ministério da Educação ultrapassou a impressionante marca de 6 milhões de candidatos inscritos.

O objetivo em comum da maioria dos participantes do Enem 2018 é utilizar as notas obtidas nas provas para conseguir o tão sonhado ingresso ao ensino superior, já que programas como o SISU, Prouni e Fies tem como exigência principal que seus candidatos tenha realizado as provas do Enem.

As notas do Enem 2018 são critério de seleção nos processos seletivos das vagas, bolsas de estudo e financiamento estudantil oferecidos pelos programas do MEC.

Inep divulga data em que será liberada a consulta ao Gabarito do Enem 2018

Inep divulga data em que será liberada a consulta ao Gabarito do Enem 2018

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais – Inep, órgão que é responsável pela realização do Enem 2018 já divulgou quando o Gabarito oficial do Exame estará liberado para que os participantes possam realizar a consulta.

Segundo o que foi divulgado, três dias após o último domingo de provas os participantes que estiverem curiosos quanto a suas performances e de quantas questões conseguiram acertar devem acessar o site do Enem 2018 para realizar a consulta aos Gabaritos oficiais.

Desde 2017 o Enem passou a ser aplicado durante dois domingos. Durante o primeiro domingo os participantes vão realizar as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e a prova de Redação, que antes era aplicada no último dia do Exame.

Já no segundo domingo os participantes responderão as questões referentes à Matemática e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Informações importantes para consultar o Gabarito do Enem 2018

Cores diferentes dos cadernos de questões. Cada um dos cadernos de questões do Enem 2018 receberá uma cor diferente e cada um dos cadernos trará 90 questões referentes a duas áreas de conhecimentos. Ainda não se pode afirmar quais serão as cores de cada um dos cadernos de questões. Mas baseando na última edição teremos:

  • Rosa                               
  • Azul
  • Amarelo
  • Branco
  • Cinza  

Cada caderno de questões possui seu gabarito específico. Quando for realizar a consulta do Gabarito do Enem 2018 o participante deve ficar atento cor do seu caderno de questões. Cada caderno de questões possui seu gabarito específico.

Cadernos personalizados. Para aumentar ainda mais a segurança e evitar que fraudes aconteçam, cada participante do Enem 2018 terá em seus cadernos de questões independente da cor que receber seu nome e número de inscrição impressos.

Requisito para levar os cadernos de prova. Também como medida de segurança, apenas os participantes que permanecerem na sala até os últimos 30 minutos finais poderá levar os cadernos de questões do Enem 2018. Essa regra é aplicada nos dois dias do Exame e vale lembrar que de posse do caderno de questões fica mais fácil a consulta do gabarito.  

Deficientes visuais. Os deficientes visuais que realizarem as provas do Enem 2018 terão acesso ao gabarito em Libras.

Consultar o Gabarito serve apenas para saber o número de questões certas e não o resultado final. Consultar o gabarito do Enem 2018 irá possibilitar ao participante ter uma noção de quantas questões conseguiu acertar nas provas do Exame. No entanto vale lembrar que o resultado final será conhecido apenas em janeiro, quando o MEC divulga a nota individual de cada um dos participantes.

Como realizar a consulta ao Gabarito do Enem 2018

Para consultar o Gabarito do Enem 2018 o participante deve acessar o site oficial  http://enem.inep.gov.br.

Para realizar a consulta o participante terá que  informar o número de sua inscrição do Enem 2018 e qual foi à senha pessoal cadastrada quando se inscreveu para o Exame.

O número da inscrição encontra-se no Cartão de confirmação, já a senha pessoal, caso o candidato não tenha anotado ou não se recorde, pode ser recuperada na Página do Participante. Os gabaritos serão disponibilizados no terceiro dia útil após o fim do Enem 2018.     

A consulta ao Gabarito do Enem 2018 também estará disponível na nossa página do Facebook onde é possível também obter mais informações do Enem. Não perca tempo, visite, curta e compartilhe.

Veja também mais notícias sobre o Enem no Guia do Aluno!

Como tirar nota 1000 na Redação do Enem 2018

Veja neste artigo dicas de como tirar nota 1000 na redação do Enem 2018. A redação é a parte mais temida por muitos participantes do Exame Nacional do Ensino Médio pois o tema só é divulgado no dia do exame.  Para alcançar a vaga em um curso do ensino superior pelo Sisu – Sistema de Seleção Unificada, Prouni – Programa Universidade para Todos ou Fies – Fundo de Financiamento Estudantil é preciso obter nota superior a zero na redação.

A redação do Enem 2018 será  aplicada no primeiro dia de prova, sendo assim no dia 4 de novembro. Além da redação o estudante terá um caderno de prova com 90 questões de múltipla escolha relacionados a área de Ciências Humanas e suas tecnologias e Linguagens, códigos e suas tecnologias. Neste caso ficará ao critério do estudante qual iniciará primeiro.

Competências exigidas na Redação do Enem 2019

Competências exigidas na Redação do Enem 2019

Para fazer uma boa redação do Enem 2018, a princípio o estudante precisa praticar a leitura, adquirir conhecimentos sobre assuntos relacionados ao Brasil e treinar textos argumentativos-dissertativos. De acordo com o edital, para obter nota 1000 na redação o estudante precisa mostrar domínio nas cinco competências, sendo elas:

  1. Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa;
  2. Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, desde que seja argumentativo-dissertativo;
  3. Relacionar, selecionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;
  4. Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;
  5. Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

Estas são as cinco competências que serão exigidas na correção da redação, na qual falaremos a seguir. Já o tema é escolhido pelo Inep na qual foca assuntos que estão relacionados na mídia como jornais, televisão, revistas e redes sociais. Dificilmente o Inep escolhe aquele tema que mais repercute, todavia, o Inep sempre surpreende os estudantes com as escolhas. Acreditamos que os temas que poderão ser cobrados será a depressão de jovens na atualidade; notícias falsas que repercute através da modernização, tais como whatsapp e Facebook; problemas com combustível no Brasil; queda de inscritos no Enem ou superlotação do sistema carcerário.

A estrutura do texto do Enem 2018 é muito importante, com isso, nossa dica é que a redação seja elaborado com introdução, desenvolvimento e conclusão. O texto deverá conter no máximo cinco parágrafos.

  • Introdução: É importante que o mostre para o corretor que entende sobre o tema exigido, na qual coloque histórias e fale do assunto;
  • Desenvolvimento: Desenvolva o assunto no qual defenderá o ponto de vista e apresente estatísticas divulgadas por jornais famosos, na qual o corretor irá procurar no Google e encontrar;
  • Conclusão: Esta parte do texto é a mais importante, pois é nela que os corretores focam. O escritor deverá colocar uma introdução apresentando claramente a ideia na qual dará uma solução para o problema, que virá apresentado no tema. Apresente uma tese e a defenda, todavia, evite não seja com intransigência. Lembrando que o texto deverá respeitar os direitos humanos e sendo ele argumentativo-dissertativo.

Como é feita a correção da redação do Enem 2018

Como é feita a correção da redação do Enem 2018

As redações do Enem 2018 são corrigidas por dois professores da área, na qual dão nota de 0 a 200 para cada competência disponível no texto, sendo assim divulgando o resultado no mês de janeiro. Caso haja discrepância entre os dois corretores ou na pontuação (diferença de 100 pontos no resultado final ou de 80 pontos em qualquer competência) terá um terceiro professor.

A nota final da redação do Enem 2018 será atribuída da seguinte forma:

  1. Caso não precise de um terceiro corretor, a nota será a média aritmética atribuída pelos dois professores;
  2. Em caso de desentendimento haverá um terceiro corretor, ou apenas o terceiro irá corrigir a redação;
  3. Em situação de discrepância entre o terceiro corretor e os demais professores, será calculada aquelas duas notas que mais se aproximam;
  4. Caso apenas o terceiro corretor tenha alguma divergência com os dois corretores, a redação será corrigida por uma banca composta por três corretores.

Será aplicada nota zero para as seguintes redações:

  • Aquela redação que esteja fora do assunto exigido pelo Inep;
  • Não esteja escrito de caneta esferográfica de cor preta na folha da redação, na qual se enquadra em folha branca;
  • Contém 7 linhas, considerando insuficiente;
  • Aquelas linhas retiradas do texto motivador serão apenas desconsideradas.

10 dicas de Estudos para o Enem

Muitos estudantes sonham em alcançar aquela vaga no ensino superior, principalmente em uma universidade Federal. Neste artigo vamos dar 10 dicas de estudos para o Enem – Exame Nacional do Ensino Médio.

Participantes sonham com aquela vaga em um curso de medicina, direito, engenharia entre outros, todavia, muitos ficam perdidos em como começar a estudar e qual matéria iniciar, pois são muitos conteúdos cobrados na prova.

A nota do Enem será utilizada como critério de seleção nos programas educacionais. Os mais utilizados são o Sisu – Sistema de Seleção Unificada, Prouni – Programa Universidade para Todos e Fies – Fundo de Financiamento Estudantil.

O maior medo dos candidatos que vão fazer a prova é a redação, na qual a maior nota é 1000 pontos. Estudantes que alcançaram nota máxima na redação vêm caindo a cada ano que se passa, pois na última edição foram apenas 53 notas máximas de 4,57 milhões corrigidas.

Identificação de método de estudo para o Enem

Veja aqui 10 dicas para estudar para o Enem 2018!
Identificação de método de estudo para o Enem

A primeira dúvida de alguns estudantes é se deve estudar com um amigo ou sozinho? O lado bom de estudar com alguém é o compromisso, entretanto, assuntos paralelos podem atrapalhar. Já estudar sozinho para alguns candidatos é difícil, pois nas primeiras semanas começa a todo vapor, entretanto, com o tempo a animação só tem a diminuir. A escolha é do candidato, por isso vamos apresentar algumas dicas.

Com o avanço da internet ficou mais fácil estudar, pois encontra muitos conteúdos, mas será que isso é bom para o seu estudo? O primeiro passo é o estudante entender o seu estilo de aprendizagem que mais se identifica, sendo visual (leituras), auditivos e aprendizes cinestésicos.

Os alunos cinestésicos tem as seguintes características: Falar mais devagar; aprendem na prática, assim resolvendo os problemas na vida real; preferência no aprendizado na prática; evitam ao máximo ficar parados, pois ficam nervosos; no período de estudo fazem um longo período de intervalo e por fim sofrem por ter curtos períodos de atenção.

Alunos visuais têm as seguintes características: Falar rápido podendo interromper; aprende olhando gráficos e diagramas; precisa estudar em silêncio; pode pensar em forma de figuras; toma notas detalhadamente; na sala de aula gosta de sentar na frente.

Alunos auditivos normalmente possuem as seguintes características: Tendem a falar devagar e explicar bem; são auditivos por natureza; costumam repetir coisas em voz alta; pensam linearmente; leem devagar e preferem ouvir ao invés de ler informações.

Dicas de planejamento de estudos do Enem

Plano de Estudos Enem 2018

Para iniciar um estudo é preciso primeiro um planejamento, ou seja, uma programação e organização diária. Outro grande passo é ter um objetivo a alcançar, como por exemplo obter nota suficiente para estar entre os selecionados para o curso de administração.

Muitos reclamam de falta de tempo, pois trabalham durante o dia, mas é importante lembrar que 30 minutos que retira do horário de almoço fará muita diferença no dia do exame. Dicas de planejamento de estudos do Enem:

  1. Determine horários, separando aqueles que possui compromissos que não podem ser alterados, como trabalho por exemplo;
  2. Determinar o tempo de estudos respeitando o cronograma;
  3. Separe um tempo maior para estudar aquelas matérias que mais possui dificuldades;
  4. Determine as matérias que vai estudar na semana, todavia, não poderá repetir o mesmo cronograma na outra semana;
  5. Não estude somente uma matéria por dia;
  6. No final da semana retire um dia para que faça uma revisão ou um resumo para identificar as dúvidas ainda pendentes;
  7. Após um tempo de estudo, faça as provas das edições anteriores, assim saberá qual assunto possui mais dúvidas. Lembrando que deverá respeitar os horários determinados por edital;
  8. Estude com base na matriz de referência do Enem;
  9. Entre em sites de notícias e acompanhe o dia a dia, assim retire um assunto referente ao Brasil e faça uma redação, assim as chances de escolher o tema do Enem é um pouco grande;
  10. Faça muita leitura e trabalhe a mente, pois as provas são conhecidas por textos grandes e assim exigindo muita leitura.

Um erro grotesco de muitos estudantes é estudar os conteúdos através de vários materiais. É importante que pegue um material de estudo e acompanhe ele até o final. Indicamos a apostila digital do Enem, onde é disponibilizada em um CD, assim o estudante poderá levar para onde quiser.

A apostila digital do Enem é comprada pela Pagseguro e entregue na residência pelos correios.
As inscrições para o Enem são feitas através do site http://enem.inep.gov.br/ no primeiro semestre. O Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira juntamente com Ministério da Educação – MEC são responsáveis pela administração do exame.

Você já sabe, mais informações no Guia do Aluno.

Como consultar o Resultado do Enem 2018

Veja aqui como consultar o resultado do Enem 2018! Um pouco mais de 5,5 milhões de estudantes receberam a confirmação das suas inscrições para as provas deste ano, que serão aplicadas nos dias 04 e 11 de novembro. Os resultados individuais serão divulgados em janeiro, sendo as notas requisitos principais nos programas de acesso ao ensino superior público e privado no país.

Autarquia ligada ao MEC (Ministério da Educação), o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) é responsável por organizar tudo o que envolve a realização do Exame Nacional do Ensino Médio.

Gabarito oficial do Enem 2018 será divulgado na semana seguinte às provas: veja como conferir suas respostas

Resultado do Enem 2018

Até a quarta-feira da semana seguinte à aplicação das provas, dia 14 de novembro, o Inep divulgará em sua página oficial, no endereço http://www.inep.gov.br/, todos os cadernos de questões com os respectivos gabaritos oficiais do Enem 2018, tanto das provas do primeiro quanto do segundo domingo.

Ao todo, o Exame contará com 180 questões de múltipla escolha, divididas igualmente entre quatro áreas de conhecimento: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, Matemática e suas Tecnologias, Ciências da Natureza e suas Tecnologias. As duas primeiras serão aplicadas no primeiro dia, junto da redação.

O Inep confecciona quatro cores diferentes para os cadernos de provas em ambos os dias de aplicação do Exame. Todos com as mesmas perguntas e respostas, mas em ordens diferentes.

Geralmente, as cores do primeiro dia de prova são: rosa, azul, amarelo e branco. Por sua vez, no segundo dia, a cor branca costuma ser trocada pela cinza, permanecendo as outras três.

Desta maneira, no momento de conferir as respostas, é essencial verificar antes a cor e o dia de aplicação, com as duas áreas de conhecimento do respectivo caderno.

Lembrando que, em ambos os dias de aplicação, os estudantes somente poderão sair com os seus cadernos de provas se deixarem os locais de aplicação nos últimos trinta minutos do Exame.

Caso não aguente esperar até o meio da semana seguinte ao último dia do Exame, divulgaremos em nosso site o gabarito extraoficial do Enem 2018 ao fim do primeiro dia e do segundo dia de aplicação das provas.

Veja aqui como consultar sua nota no Enem 2018

Resultado do Enem 2018 será divulgado em Janeiro

Consultar sua nota no Enem 2018

Até o momento, o Inep ainda não confirmou a data de divulgação do resultado individual do Enem 2018. É certo que as notas serão publicadas no mês de janeiro, antes da abertura dos processos seletivos dos programas do MEC.

A expectativa é de que o resultado seja disponibilizado na semana do dia 14 de janeiro, em meados do mês.

Para consultar as notas do Enem 2018, é preciso entrar na página do participante, no portal do Inep, tendo em mãos os números do CPF (Cadastro de Pessoa Física) e a senha.

Quem não se lembrar, poderá recuperar a senha do Enem 2018 na própria página do participante, clicando na opção “Esqueci minha senha”.

Depois de informar os dados necessários, será aberta uma página com as notas em cada uma das áreas de conhecimento e na redação do Enem 2018, que é avaliada de 0 a 1000 pontos.

A pontuação das provas objetivas, com questões de múltipla escolha, não possui um valor máximo e mínimo estabelecidos. Ao contrário das tradicionais correções de vestibulares, as provas do Enem são corrigidas sem levar em conta apenas a quantidade de acertos.

Como é corrigida a prova do Enem 2018?

A correção das provas do Enem 2018 é feita com base na TRI (Teoria de Resposta ao Item), que não penaliza apenas pela quantidade de erros, mas leva em conta a qualidade nas respostas dos candidatos.

Para isso, a TRI determina o nível de dificuldade de cada item: fácil, intermediário e difícil. Assim, consegue verificar o aproveitamento do participante em cada um dos níveis.

Com isso, analisa a qualidade nas respostas do participante. Uma boa nota nas provas é garantida por aqueles que apresentam uma coerência nos acertos, com um maior aproveitamento nas questões mais fáceis e intermediárias do que nas difíceis.

Um bom aproveitamento no Enem 2018 pode garantir a aprovação no Sisu, ProUni ou Fies. Desejamos boa sorte nas provas e muito sucesso!Curta o Enem 2018 no facebook.

Enem 2018: Confira data, horário e cronograma da Prova

Qual será a data das provas do Enem 2018? Veja neste artigo todas as explicações sobre horário das provas, datas, cronograma e o restante do calendário completo do Enem 2018.

O Exame Nacional do Ensino Médio obteve pouco mais de 5,5 milhões de inscritos confirmados. Muitos destes estudantes que tiverem participação no exame confirmada terão o direito de utilizar a nota para concorrer a uma vaga no ensino superior.

Os programas educacionais para o qual os estudantes participantes do Enem 2018 poderão usar para concorrer a vagas no ensino superior, são os seguintes: Sisu – Sistema de Seleção Unificada, Prouni – Programa Universidade para Todos e o Fies – Fundo de Financiamento Estudantil.

Datas das Provas do Enem 2018

Datas do Enem 2018
Datas das Provas do Enem 2018

As datas das provas serão nos dias 4 e 11 de novembro, sendo assim dois domingos seguidos. De acordo com o método de aplicação das provas, elas serão entregues para os fiscais e, após autorização, darão início à resolução das questões.

As provas serão elaboradas pelo INEP. São compostas de 180 questões retiradas do BNI – Banco Nacional de Itens e dividida igualmente entre as quatro áreas de conhecimento do Enem 2018.

As matérias das áreas de conhecimento são elas: Ciências Humanas e suas tecnologias, Ciências da Natureza e suas tecnologias, Matemática e suas tecnologias e Linguagens, códigos e suas tecnologias.

Competências Curriculares do Enem 2018

As provas do Enem 2018 possuem questões de múltiplas escolhas, sendo de A até E. A prova é elaborada para avaliar o nível de aprendizagem dos estudantes que estão concluindo o ensino médio, portanto, a matriz de referência é na seguinte ordem:

  • Ciências Humanas e suas tecnologias: Geografia, História, Filosofia e Sociologia;
  • Ciências da Natureza e suas tecnologias: Física, Química e Biologia;
  • Matemática e suas tecnologias: Matemática;
  • Linguagens, códigos e suas tecnologias: Língua Portuguesa, Artes, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Literatura, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação.

Horário e duração das provas do Enem 2018

Cronograma do Enem 2018
Cronograma Oficial Enem 2018

De acordo com o calendário oficial do Enem 2018, as provas terão início às 13h30min respeitando horário de Brasília. Os fiscais vão dar o sinal autorizando o início.

No primeiro dia serão aplicadas 90 questões das áreas de Ciências Humanas e suas tecnologias, Linguagens, códigos e suas tecnologias e a redação. Os estudantes terão exatas 5h30min onde os fiscais irão fazer uma contagem decrescente para que os estudantes fiquem por dentro do horário disponível.

Já o segundo dia serão mais 90 questões compostas pelas áreas de Ciências da Natureza e suas tecnologias e Matemática e suas tecnologias. O participante terá exatas 5h00min para entregar o cartão de respostas.

Local de prova do Enem 2018

Conforme o cronograma, os locais de provas do Enem 2018 terão os portões abertos a partir das 12h00min horário de Brasília. Os portões serão fechados exatamente às 13h00min onde não permitirá atraso, sendo assim aqueles que chegar após o horário, automaticamente estará eliminado naquele dia.

O local de prova será divulgado no mês de outubro, provavelmente na segunda quinzena. Para visualizar é preciso acessar a página do participante no portal do Inep – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira através do endereço eletrônico https://enem.inep.gov.br.

Para acessar é preciso informar o número do Cadastro de Pessoa Física – CPF, senha e figura na qual será exigida. Não será possível alteração do local de prova, pois ao se inscrever o participante informou cidade e município na qual teria preferência.

Como recuperar a senha do Enem 2018

A senha foi criada no ato da inscrição do Enem 2018. Para aqueles que não anotaram e não se lembram poderá recuperar, para isto basta acompanhar o passo a passo.

Para recuperar a senha do Enem 2018 basta informar o CPF, informar figura exigida e clicar na opção “esqueci minha senha”. Neste caso abrirá uma aba na qual o estudante optar em receber a senha provisória via SMS ou pelo e-mail.

Ao receber esta senha provisória, é preciso informar o CPF, senha provisória e figura exigida. Assim o estudante criará uma senha oficial contendo no mínimo 6 e máximo 10 características, aceitando letras (maiúsculas e minúsculas) e números.

Acompanhe mais notícias do Enem 2018 adicionando este site aos seus favoritos pressionando Crtl D no seu teclado.

Tudo sobre o Enem 2019 Exame Nacional do Ensino Médio

Veja aqui tudo o que precisa saber sobre o Enem 2019! Todos os estudantes que vão participar das provas do Enem 2019 (Exame Nacional do Ensino Médio) precisam conhecer os detalhes do teste que é aplicado em nível nacional, a aproximadamente 7 milhões de estudantes anualmente. Um bom aproveitamento pode garantir a conquista de uma vaga em um curso superior.

Com o passar dos anos, o Exame Nacional do Ensino Médio sofreu importantes modificações e ganhou diferentes atribuições, o que contribuiu para que se tornasse bem mais concorrido, se consolidando como a principal porta de acesso ao ensino superior no Brasil.

Evolução do Enem ao longo dos anos

Evolução do Enem ao longo dos anos

Criado pelo Governo Federal no ano de 1998, o Enem servia exclusivamente como um instrumento de avaliação do domínio de competências pelos estudantes que estavam concluindo o ensino médio.

Com a participação voluntária, sem obrigatoriedade, o Exame registrou aproximadamente 157 mil inscrições em sua primeira edição. Uma crescente no número de inscritos foi notada no ano de 2001, quando os alunos oriundos de escolas da rede pública começaram a ser isentos do pagamento da taxa de inscrição. Na ocasião, foram registradas mais de 1,6 milhões de inscrições.

Até o ano de 2003, o objetivo do Enem continuou o mesmo. Por sua vez, na edição de 2004, as provas também começaram a ser critério de classificação no processo seletivo do ProUni (Programa Universidade para Todos), registrando aproximadamente 1,5 milhão de inscritos.

Na edição de 2009 aconteceu a primeira grande mudança na estrutura e no objetivo do Exame, quando o Ministério da Educação (MEC) desenvolveu o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), um programa que seleciona os candidatos para cursos superiores em instituições públicas de ensino.

A partir de 2009, várias universidades de todo o país começaram a extinguir seus tradicionais vestibulares para, então, utilizar do Exame em seus processos seletivos, através do Sisu.

No mesmo ano, as provas deixaram de ser corrigidas por quantidades de acertos. Desde então, sob a gerência do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), é utilizada a TRI (Teoria de Resposta ao Item).

Em 2014 foi quebrado o recorde de inscrições confirmadas no Enem: mais de 8,72 milhões. No ano de 2018, foi registrada uma queda na quantidade de inscritos: 5,5 milhões.

Qual a estrutura e como é feita a correção das provas do Enem?

Resultado do Enem 2019
Qual a estrutura e como é feita a correção das provas do Enem?

Desde 2009, as provas do Enem são constituídas por uma redação de caráter dissertativo-argumentativo e 180 questões de múltipla escolha, divididas igualmente entre quatro áreas de conhecimento, que abrangem as seguintes matérias:

  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias: Língua Portuguesa, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), Artes, Educação Física e Tecnologias da Informação e Comunicação;
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias: História, Geografia, Sociologia e Filosofia;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias: Física, Química e Biologia;
  • Matemática e suas Tecnologias: Matemática.

As questões das provas são de múltipla escolha, com cinco alternativas cada (A – E). Os enunciados das perguntas costumam exigir interpretação e concentração dos candidatos, sendo na maioria das vezes considerados um tanto quanto extensos e cansativos.

Tomando como base a TRI, a correção das provas não contabiliza apenas a quantidade de acertos e erros dos participantes. Ela, por mais difícil que pareça ser compreender, penaliza os candidatos que chutam muitas respostas.

Na Teoria de Resposta ao Item, as questões recebem pesos diferentes, de acordo com seus níveis de dificuldade. Assim, é possível analisar o aproveitamento do estudante nas questões fáceis, intermediárias e difíceis.

Se o participante acertar uma maior quantidade de perguntas difíceis do que as consideradas fáceis e intermediárias, é certo que o mesmo chutou a maioria das respostas. Assim, o estudante é penalizado em sua nota final.

Para ter um bom aproveitamento no Exame, o candidato precisa apresentar uma hegemonia em suas respostas, com o maior possível número de acertos nas questões fáceis unido a um bom aproveitamento nos itens de maior dificuldade.

Quais as notas mínimas e máximas no Enem? Como é corrigida a redação?

Quais as notas mínimas e máximas no Enem? Como é corrigida a redação?

Com base na TRI, é impossível pré-estabelecer uma nota mínima e máxima para as provas do Exame. Assim, os estudantes somente tiram nota zero caso faltem no dia de aplicação ou não preenchem o gabarito.

Em algumas ocasiões, candidatos já atingiram mais do que 1000 pontos em determinadas áreas de conhecimento.

Após encerrar todas as edições, o Inep divulga um balanço do aproveitamento dos participantes, disponibilizando as notas máximas e mínimas no Enem.

Junto do resultado individual das provas, em cada área de conhecimento, são divulgadas as notas das redações, avaliadas de 0 a 1000 pontos.

A correção da redação do Enem é feita por dois corretores independentes, que avaliam cinco competências, cada uma de 0 a 200 pontos:

  • Domínio da norma padrão da língua portuguesa;
  • Compreensão da proposta de redação;
  • Seleção e organização das informações;
  • Demonstração de conhecimento da língua necessária para argumentação do texto;
  • Elaboração de uma proposta de solução para os problemas abordados, respeitando os valores e considerando as diversidades socioculturais.

A nota final da redação é atribuída através de uma média aritmética entre as notas dos dois corretores, caso não haja discrepância.

As discrepâncias ocorrem quando a diferença entre as notas finais de ambos é maior do que 80 pontos, em qualquer uma das cinco competências, ou ainda se for maior do que 100 pontos na nota final.

Havendo alguma das diferenças, um terceiro corretor avalia a redação. Permanecendo a discrepância entre as notas deste com os dois primeiros corretores, a redação é encaminhada para uma banca examinadora.

A banca, presidida por um doutor, corrige novamente a redação e, enfim, atribui a nota final à redação do candidato.

O edital do Enem ainda estabelece oito ocorrências em que as redações podem ser zeradas ou anuladas: fuga total ao tem; não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa; texto com até 7 linhas; impropérios , desenhos e outras formas propositais de anulação ou parte do texto deliberadamente desconectada do tema proposto; redação em branco, mesmo com texto em rascunho; cópia do texto motivador; assinar a redação fora do local designado e escrever em outra língua que não o português.

Semanas após divulgar o resultado do Enem, o Inep divulga em sua página o espelho das redações corrigidas, para finalidade apenas pedagógica, tendo o estudante a chance de analisar seu aproveitamento e desenvolvimento do texto.

Como são aplicadas as provas do Enem?

As provas do Enem são geralmente aplicadas no mês de novembro. Até o ano de 2016, o Exame acontecia em um mesmo final de semana, ao sábado e domingo.

A partir de 2017, no entanto, as provas começaram a ser aplicadas em dois domingos consecutivos, com a abertura dos portões ao meio dia, fechamento às 13h e início do Exame às 13h30min, levando em conta o horário oficial de Brasília/DF.

No primeiro domingo, são aplicadas as provas de Linguagens e Ciências Humanas, junto da redação, em um novo tempo de 05h30min. Por sua vez, as provas de Matemática e Ciências da Natureza, no segundo domingo, são aplicadas em 04h30min.

Qual o cronograma do Enem 2019?

O Inep irá divulgar o edital do Enem 2019 entre o fim do mês de março e início de abril. Assim, além da confirmação das datas oficiais, também serão conhecidas todas as regras da próxima edição do Exame.

O período de inscrição do Enem 2019 deverá acontecer no mês de maio. Entre o final de abril e início de maio, o Inep provavelmente abrirá um período exclusivo para solicitação de isenção da taxa de inscrição.

Os estudantes de escolas públicas serão automaticamente isentos do pagamento. Além desses, candidatos de baixa renda comprovada também poderão solicitar isenção da taxa.

O cartão de confirmação de inscrição do Enem 2019 deve ser disponibilizado no mês de outubro.

Assim, é provável que a data das provas do Enem 2019 seja os dois primeiros domingos do mês de novembro. O edital com as respostas oficiais as questões será disponibilizado pelo Inep na semana seguinte à aplicação das provas.

O resultado do Enem 2019 será divulgado em meados de janeiro de 2020. Os candidatos poderão utilizar as suas notas nos programas de educação do MEC.

Como participar do Sisu, ProUni e Fies?

Como participar do Sisu, ProUni e Fies?

As inscrições para os processos seletivos do Sisu, ProUni e Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) são abertas consecutivamente, após a publicação das notas do Enem.

Assim, os estudantes de qualquer lugar do país terão o direito de se inscrever no Sisu para concorrer a uma vaga em uma universidade ou instituto federal.

Estudantes com renda familiar bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa, terão ainda o direito de concorrer a bolsas do ProUni, integrais (100%) ou parciais (50%), em cursos de faculdades particulares de todo o país.

Ainda, candidatos que se encaixarem nos requisitos de renda e acharem viável as oportunidades oferecidas pelo Fies, poderão concorrer ao financiamento de seus cursos em faculdades particulares.Não perca a chance de se inscrever no Enem. Se prepare ao máximo e conte com nosso apoio.

Deixe suas dúvidas nos comentários abaixo e leia outros artigos já publicados em nosso site, além de curtir a página do Enem no facebook! Veja também mais sobre educação em geral no Guia do Aluno!